terça-feira, 3 de fevereiro de 2009

Sorria xD




Muita coisa acontece. E as vontades vem e vão. Acho que sempre escrevo sobre isso, pois essa é a constante da minha vida.

A cada dia, um dilema, um problema, uma solução, uma alegria. Coisas da vida. E eu mais uma vez reforço o meu prazer em viver.

Passei muito tempo trancada no meu mundinho, vivendo o surrelismo da minha vida interior. Não que ela não seja agradável, se não fosse, não me satisfaria por tanto tempo. Só que hoje sinto a necessidade de viver, de provar, de experimentar a vida. 



Quero conhecer o novo, viajar, conhecer pessoas, rir até doer a barriga e as bochechas ficarem dormentes. 

Quero cantar na chuva, com minhas galochas de caveira, meu guarda-chuva de bolinhas roxas e meus amigos, tão doidos quanto eu. 

Esperar o sinal abrir e ser atingida por um jato de água do ônibus que passou a toda velocidade e atravessar a rua cantarolando e rindo (xererê)

Quero correr até sentir os pulmões queimarem e ter dificuldade de respirar. Fazer flexões de todos os tipos que eu conseguir até os braços pedirem arrego e tremerem que nem vara verde. 

Quero ir no Burguer King, pedir um Whooper e tomar 2 litros de coca-cola

Quero ir aos shows das bandas que eu curto e pular, gritar e tudo o mais. E pra balancear, ir a shows de brega pra variar e rir um bocado. 

Quero ver o pôr do sol ao lado das pessoas que eu amo, contar piadas, cantar desafinado, jogar truco, dançar... até amanhecer pra ver o sol nascer. E depois dormir, só um pouco, porque não sou de ferro... isso se a insônia deixar.

Quero encontrar o Dr. House no meio do caminho e dizer: "cara, casa comigo?" e esperar uma tirada daquelas que só ele sabe dar. Eu amo esse homem (personagem, tanto faz... amo mesmo assim!)

Quero jogar basquete, o que aliás, sou péssima! Quero andar de skate e me esborrachar no chão.

Quero cortar meu cabelo das mais variadas formas possíveis, agora que sei que me dou bem com cabelos curtos.

Quero voltar a usar alargadores, fazer mais tatuagens... 

Quero ganhar muito dinheiro pra comprar todos os tênis, mochilas, bolsas e óculos que eu quiser!!

Quero continuar a comer minhas guloseimas escondida e dividir só com quem eu quiser.

Eu quero, eu quero, eu quero... 




Tenho rido bastante das coisas da vida. Tenho rido das minhas falhas, dos problemas, das coisas que não dão certo. Tenho rido dos invejosos e caluniosos. Tenho rido dos que não gostam de mim. Tenho rido daqueles que não sorriem quando o faço, dos que não respondem ao meu "bom dia". Tenho rido de todas as coisas que insistem em estragar a minha felicidade, ou que perdem tempo tentando. Eu até posso fraquezar as vezes, mais retorno mais forte e sorridente. Até mesmo quando brigo, chingo e esperneio fica tudo bem, porque depois eu rio de mim mesma.

Descobri que amo viver e é isso que eu estou fazendo.
Se fosse você faria o mesmo. Seja um pouco egoísta: se faça feliz!!

7 comentários:

Tyellë disse...

Viver
Aprender
Cair
Levantar
Esse é o dilema da vida
Então sorrir é o melhor remedio....

lindo Rafa
Viva intensamente

bjus

sibele disse...

Olá,Rafa!ai tava com saudade já dos teus posts é tão bom vir aki te ler,nossa me identifico muito com o que tu escreve.Nossa eu quero tanta coisa que as vezes nem sei mais o que eu quero mesmo.Rir da gente mesmo acho que essa é uma grande prova de amadurecimento, eu tenho feito muito isso.afinal de contas rir é o melhor remédio sempre...
Boa semana!
Beijos

vinicios k. ribeiro disse...

Amoure,

quero, se possível, acompanhar-te por estas novas proposições de vivências.

Ver, ouvir, sentir..apertar, abraçar!!

o mundo é todo teu, todo nosso

feitinho para ser desfeito, amarrado, arranjado..reinventado!!

amo amo amo!

Zoltan disse...

Se "rir é o melhor remédio", não é atoa que banco o farmacêutico por ai.

Adendo: a segunda foto é muito boa.

Adendo nº2: Já pensou em tudo isso condensado em um único momento? Você comendo Burguer King, segurando a coca e o guarda chuva, então vem um ônibus e te joga uma pá de água suja, seus amigos riem até fazer sua barriga doer e vc fica toda preocupada porque sua tatuagem recente não podia molhar. Mas rapidinho você esquece, pois o show da banda que você gosta já vai começar. Então alguém fura a fila e passa na sua frente mancando. Não era o Dr. House, mas te daria uma tirada do nível.

Adendo nº3: e ela foi feliz para sempre.

Sany666 disse...

ai que delicia!!! posso embarcar nessa histporia também?! hehehehehe
bjinhus !

Nathy.. Hã? disse...

Queria eu poder estar fazendo tudo issu que a Nathy sabe fazer... onde está a Nathy?!?!?!!?

(Massa)

Viviane Zion disse...

"viver é escrever sem usar borracha", rafa! não lembro agora quem escrever isso...

mas é isso... e quanto mais intenso melhor, desde que não violente a você nem aos outros.

um dia após o outro. cada um com sua alegria ou dor!!!

:***

Contador

Este blog possui atualmente:
Comentários em Artigos!
Widget UsuárioCompulsivo